• Nélia Duarte

diário gráfico animado

O tempo nada mais permite do que rabiscar em diário gráfico. Tenho usado esferográficas, marcadores e de vez em quando um pouco de tinta que tapa coisas que saíram menos bem.

No desenho não há borracha. Há soluções de desenho. Uma linha errada quando corrigida a marcador pode dar um reverso interessante ou uma nova composição.

Por vezes eles param e miram o que eu faço, alguns apreciam, com aquele encanto breve e sincero deles, outros nem tanto. Já houve um que me disse que eu até desenhava melhor do que ele mas ele desenhava muito mal. Ri-me. Vou sentir saudades de os ouvir, de os observar, mas preciso de usar o meu tempo, o que resta do meu tempo, no que mais gosto de fazer. Dos muitos desenhos que tenho fiz mais uma animação na timeline do PS, misturando algum trabalho digital.




13 visualizações0 comentário